Alcançar novas fronteiras

Sábado, 9 de fevereiro, junto à comunidade de Milão, foi realizado o primeiro encontro entre as Irmãs empenhadas em atividades caritativas e pastorais no contexto italiano, no qual até agora dava-se sempre maior importância à animação missionária.

O encontro, fruto de um desejo compartilhado por várias Irmãs foi uma oportunidade de formação, intercâmbio e partilha a respeito de algumas periferias sociais italianas onde, como missionárias, investimos o nosso sempre renovado entusiasmo apostólico.

Durante todo o dia alternamos momentos de oração e formação, guiadas pelo aprofundamento das nossas Novas Constituições, documento que traça a nossa identidade de missionárias e orienta as nossas escolhas.

Considerou-se também importante apresentar o atual contexto italiano através de uma análise política e social da realidade italiana e da Igreja. Foram aprofundados de modo particular o contexto eclesial, as situações de pobreza e as possíveis periferias a serem habitadas, entre as quais destacaram-se as prisões e as situações de marginalização geradas pelo movimento migratório. Na terceira parte da reunião foi possível compartilhar experiências de cada uma, em uma perspectiva de interesse recíproco e de crescimento, fazendo emergir os diferentes contextos pastorais com os seus desafios, os objetivos alcançados e os desejos para o futuro.

Foi muito interessante a partilha da comunidade MdI de Pioltello, recém-nascida, presente no bairro satélite desta cidadezinha da Brianza; as três irmãs empenhadas naquela realidade nos atualizaram sobre o progresso da Comunidade e o início das primeiras atividades.

A Comunidade Inter-congregacional de Modica (RG), atividade de frente em relação à emergência da imigração contou com a nossa colaboração, através da presença da Ir. Giovanna Minardi que completou 3 anos de serviço. Apesar de que nenhuma MdI continua neste projeto ainda sentimos afeição para com esta experiência partilhada e apoiada por todos os Institutos Missionários na Itália.

No final da reunião, nós percebemos um primeiro fruto: cresceu em nós a consciência e o desejo de continuar a confrontar-nos, para continuar no caminho do enriquecimento mútuo, mas também para estimular-nos a crescer na criatividade conforme o novo contexto italiano requer de nós para atender as necessidades da missão hoje.

Ir. Paola Locatelli, Italia

0 Comentários

Deixe um comentário

©2019 Missionárias Da Imacolada PIME - credits: Mediaera Srl

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?