É com imensa gratidão que partilhamos com vocês a alegria e emoção que sentimos ao sermos convidadas a falar para milhares de pessoas que estavam presentes  na caminhada missionaria, organizada pela Arquidiocese de Manaus no Dia Mundial das Missões, sobre a nossa vocação missionária. A beleza que emana deste grande dom que Deus nos deu, é algo que não devemos guardar somente para nós, mas deve ser comunicado a todos para que cresça sempre mais a consciência missionária nos nossos cristãos.

“ Vão a todos os povos à todas as nações e anunciai o Evangelho a todas as pessoas”

Eis o mandato missionário que recebemos de Cristo. Foi emocionante partilhar a alegria de viver a vida missionária, viver a paixão pela causa de Jesus, o desejo ainda mais forte de anunciá-lo, de continuar servindo alegremente. Agradeço a Deus pelo dom da vocação missionária que Ele me concedeu e pela oportunidade que tive de ir ao encontro dos meus irmãos  e irmãs na missão além fronteiras nos Camarões, onde vivi 10 anos partilhando a vida com aquele povo maravilhoso, e com o qual pude experimentar o sabor da vida missionária” (Ir. Alcinete).

“Ah, vocação missionária!  O que há de mais belo sobre a terra?” (Me. Igilda)

Realmente o sentimento que experimentei ao falar da minha vocação missionária, foi de profunda gratidão ao Senhor da messe por ter me concedido este dom, o qual fui descobrindo ao ver o testemunho de homens e mulheres que deixaram tudo, suas famílias, suas terras… para abraçar o projeto de Jesus Cristo. Esses homens e mulheres foram os padres do PIME e as Missionárias da Imaculada que estavam em minha paróquia. Ao ver o testemunho destas pessoas foi crescendo e amadurecendo dentro de mim um forte desejo de me tornar missionária como eles. Queria também ir nos lugares mais longínquos para falar do Reino de Deus e experimentar a fraternidade universal com meus irmãos e irmãs do outro lado do mundo. Sou eternamente grata a Deus e à minha Congregação por este precioso presente de receber o mandato missionário para a FRICA, Guiné Bissau, missão que aprendi amar com todo o meu coração e onde experimentei a verdadeira alegria de servir a Deus naqueles meus irmãos e irmãs. Não tive a sorte de ficar muitos anos lá e não fiz grandes coisas,  mas o pouco tempo que vivi junto com aquele povo, foi algo que me fez experimentar a alegria do Evangelho e a abrir o meu coração para que seja sempre um coração apaixonado pelo Cristo missionário.  Foi realmente uma bela experiência e da qual  farei tesouro para a vida toda. Espero de retornar lá em breve!

“Senhor, estou disposta ao que queiras, não importa onde seja, me chamas a servi r. Leva –me onde as pessoas necessitem tua Palavra, onde falta a esperança, onde tudo seja triste, simplesmente por não Te conhecerem!” (Ir. Rosiene)

ir. Alcinete e ir. Rosiene – Manaus (Brasil Norte)

0 Comentários

Envie uma Resposta

©2020 Missionárias Da Imacolada PIME - credits: Mediaera Srl

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?